Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
  • Acessibilidade
  • Alto Contraste
  • Mapa do Site
  • PortugueseEnglishSpanishChinese (Simplified)FrenchGermanItalian
Página Inicial > Notícias > Servidores traçam estratégias e possibilidades em encontro pedagógico
Início do conteúdo da página Notícias

Servidores traçam estratégias e possibilidades em encontro pedagógico

Debates, palestras e muita troca de informação em dois dias de evento remoto.
  • Assessoria de Comunicação
  • publicado 30/07/2020 13h56
  • última modificação 30/07/2020 18h44

O Instituto Federal do Maranhão (IFMA) Campus Coelho Neto realizou nos dias 21 e 22 de julho, de forma remota/virtual, o Encontro Pedagógico com o tema “Do ensino presencial ao remoto: estratégias e possibilidades”. A programação contou com a participação de convidados externos e também membros da equipe do campus, vislumbrando oferecer cada vez mais aos servidores subsídios para atuarem nesse contexto remoto, de forma mais segura e qualificada, em meio à utilização das plataformas oficiais para este fim.

Todos os anos, o propósito dessa ação é envolver todos servidores da instituição e proporcionar momentos de formação. Neste ano, a proposta continuou a se efetivar, mas antes mesmo da culminância, aconteceram muitos momentos de formação e criação de materiais orientativos, considerando a notória e imperativa readequação de todas esferas educacionais para o momento de Pandemia e isolamento social.

Assim, antes desse evento, com a pretensão de direcionar toda comunidade escolar de informações necessárias, com vistas à otimização cada vez mais de uma oferta da educação de qualidade, e agora no formato remoto, foram elaboradas a cartilha de orientação para discentes, com o intuito de reiterar suporte e apoio institucional, bem como pontuar dicas quanto à implementação do ensino remoto na nossa instituição; a cartilha de orientação para servidores, com dicas que podem nos auxiliar na condução/participação de atividades em regime remoto, quando estivermos em situações de interação online (reuniões, aulas, por exemplo); o material com perguntas e  respostas sobre  ensino remoto, resultante de dúvidas externadas na Reunião com pais/mães/outros (as) responsáveis e estudantes sobre o ensino remoto no IFMA  Coelho  Neto; cartilha de orientação para pais/ mães/ outros responsáveis dos/pelos nossos alunos, com fito de renovar nossa parceria de acompanhamento discente nos seus lares, de modo a nos auxiliar nesse processo de ensino-aprendizagem, que se pretende inclusivo e com excelência.

contínua, desde a deliberação sobre as possibilidades de ensino remoto, conforme Portaria IFMA Nº 2.618, de 12 de Junho de 2020, e aqui destacamos planejamento e (re) planejamento até a culminância, envolvendo construção coletiva de minuta do Plano de ação do IFMA Campus Coelho Neto, formações destinadas a servidores e alunos envolvidos no Projeto Piloto de Atividades Pedagógicas Não Presenciais (De 27/07 a 27/08/2020), os quais puderam se qualificar ainda mais com relação às possibilidades do Google Classroom e Meet, sob a mediação do professor do IFMA Campus Rosário, Wildemarkes Almeida, Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de Sistemas e Especialista em Informática na Educação.

E, para além de qualificação, consideramos salutar proporcionar acolhimento e orientação para nossos (as) alunos (as) e servidores (as), a fim de que lidem melhor com questões emocionais e psicológicas no contexto do isolamento social e das aulas de forma remota, para tanto, contamos com a parceria de Renata Trovão, Psicóloga da Diretoria de Assuntos Estudantis, quem oportunizou espaço de reflexão sobre isso em dois momentos para o Campus Coelho Neto.

No ensino presencial ou remoto, mais que ensinar, transforma-se vidas. Quantas pessoas foram impactadas positivamente pelo nosso trabalho? Quantos (as) estudantes deixaram sua marca e levaram consigo um pouquinho de cada um de nós? A prática docente, sobretudo, contempla troca e multiplicação de conhecimento, convivência e crescimento em conjunto com estudantes. As consequências de todo esse trabalho, cada palavra, metodologia, carinho e encorajamento somente o futuro responderá. A Equipe pedagógica do Campus Coelho Neto tem trabalhado de forma democrática e vislumbrando a inclusão, de servidores e alunos, nesse novo desafio que é atuar de forma remota, e no contexto de crise sanitária que vivenciamos.

Como palestrante da abertura magna “Desafios na educação em ambientes virtuais de aprendizagem”, contou com a parceria do professor Walter Travassos, de João Pessoa, entusiasta no uso de novas tecnologias para sala de aula e metodologias inovadoras de ensino. Graduado em Sistemas para Internet e Mestre em Ciência da Computação. O professor além de discutir e trazer à tona reflexões sobre os desafios nesse contexto, apresentou muitas dicas para todo público do encontro pedagógico.

Também contribui com sua participação, a psicóloga da Diretoria de Assuntos Estudantis/Pró-Reitoria de Ensino, Renata Trovão, que é Graduada em Psicologia pela UFMA, especialista em Psicologia Organizacional e do Trabalho. A servidora conduziu um bate-papo acerca da “Saúde mental no período de pandemia e as implicações no contexto escolar”Nesse momento houve a interação de servidores partilhando suas experiências e pode-se perceber em meio ao cenário de home office, isolamento social, veiculação de notícias negativas, dentre outras circunstâncias. Momento além de acolhedor necessário para perceber que estamos todos vivenciando alguma dificuldade e sendo impactados com tudo isso, mas que existem estratégias para dar continuidade a uma rotina, e precisamos pô-las em prática.

Diante dessa nova configuração, temos visto um aumento de interesse e busca por metodologias ativas e recursos tecnológicos, o que podemos alcançar através deles, o seu significado, mas é oportuno destacar que essas estratégias não garantem excelência, se não forem condizentes ou não atenderem ao propósito de ensino de cada docente. O essencial não está nas tecnologias ou nos métodos, mas nas pessoas que conduzem esse processo. Não são as metodologias ativas que nos transformarão em profissionais de excelência, mas o que nos move enquanto educadores. Elas de fato auxiliam o processo, mas a dinâmica e as intenções partem do (a) profissional.

Acerca dessa temática, foi convidada a pedagoga Flávia Freire, Especialista em Docência da Educação Profissional e MBA em Gestão de Pessoas. Ministrante do Curso de Metodologias Ativas do SENAC Piauí, para mediar a Oficina: “Engajando a sala de aula remota com as metodologias ativas”. Nessa atividade, de forma bem dinâmica, os participantes puderam vivenciar na teoria e prática as possibilidades de algumas metodologias ativas, adaptadas para esse contexto online, além de trocarem experiências sobre outras estratégias já abordadas, apontando suas dificuldades e também suas impressões positivas.

Também foi destinado um momento especial para o encontro intitulado “Laboratório de Práticas Exitosas”, que contemplou a participação de membros da equipe do campus: a professora de História Leide Ana Caldas, Especialista em História do Maranhão, Mestra em História Social, com ênfase de estudo em História e Cinema, que conduziu uma oficina sobre a utilização do Google Meet; e o professor de Informática, Mardoqueu Telvina, escritor, graduado em Ciência da Computação e Especialista em Docência no Ensino Superior, quem fez uma imersão pela Gamificação através do Google Classroom.

Houve muitas mudanças de março até hoje, mas o anseio de proporcionar o melhor na área da educação é constante. “Desejamos a todos (as) um excelente trabalho remoto, de forma ativa, no sentido de ser marcado transformações internas e externas, motivação, seleção, interpretação, comparação e avaliação. Afinal, planejar, (re) criar, acompanhar e avaliar são alguns infinitos movimentos realizados para que a educação continue fazendo diferença na vida de tantos sujeitos”, ressaltou no encontro o diretor de Ensino do Campus Coelho Neto, Aécio Martins.

Para o diretor-geral Anderson Silva, os servidores do Campus Coelho Neto estão de parabéns pelo engajamento e resiliência durante esse momento adverso. “Mesmo diante de muitas incertezas e mudanças no planejamento, soubemos lidar com a situação e desenvolver estratégias eficazes para um retorno às aulas de forma não presencial, garantindo acesso a uma Educação Pública, gratuita e de qualidade. O sentimento é de gratidão, por fazer parte de uma equipe tão profissional e humana, que com o esforço do seu trabalho é capaz de melhorar a vida de muitas pessoas”, conclui.

Fim do conteúdo da página